05 junho, 2010

Conheça os benefícios do Leite para saúde e perder peso

Gostou deste artigo? Então clique no botão ao lado para recomendá-lo aos seus contatos do Google! Aproveite para nos adicionar no Facebook, seguir no Twitter e assinar nosso Feed.
Apesar de muita gente falar da intolerância à lactase, segundo Patrícia Campos-Ferraz, nutricionista da Nutriaid, a maioria dos adultos humanos não têm dificuldades de digestão da lactase. "Para esses indivíduos não há razão para se tirar o leite da dieta. A quantidade de cálcio encontrada no leite é bastante significativa, e não bastasse isso, sua disponibilidade é alta, comparado a outras fontes vegetais de cálcio como feijões, por exemplo". Considerando que as recomendações atuais de cálcio são muito altas para alguns grupos populacionais como mulheres , é importante o consumo desse alimento na dieta habitual. Exemplo: as mulheres necessitam de 1000 a 1300 mg de cálcio ao dia para suprir as necessidades determinadas por recomendações internacionais. Um copo de leite tem aproximadamente 240 mg.
Se você encheu a cara, mas precisa estar novo no dia seguinte e nem passar perto da ressaca, o leite pode ser um grande aliado. O álcool estimula a produção de algumas substâncias que geram náuseas, dor de cabeça, desidratação e cansaço. De acordo com a nutricionista Ana Beatriz Barella, dal RG Nutri, o leite é uma boa opção para repor água, proteínas, carboidratos, lipídeos, minerais e vitaminas para quem exagerou nas bebidas alcoólicas. "O potássio da bebida também ajuda a contra atacar os efeitos do sódio, na retenção de água, e a vitamina B6 aumenta a capacidade dos rins em excretar sódio", explica. Ela conta também outros estudos que indicam os benefícios do leite para a saúde. 
Uma pesquisa da Universidade Loughborough School of Sports and Exercise Sciences, do Reino Unido, concluiu que o leite magro produz uma significativa melhora na reidratação após atividade física em comparação com outras bebidas. A pesquisa sugere que os nutrientes presentes no leite, como o sódio e o potássio, sejam responsáveis pela eficácia no restabelecimento do balanço hídrico após uma desidratação causada por exercícios.
O leite é uma importante fonte de cálcio, o que ajuda a prevenir a osteoporose, a novidade é que a doença atinge cada vez mais homens. A incidência de osteoporose está crescendo no mundo inteiro, segundo a Sociedade Brasileira de Clínica Médica. No Brasil, já atinge mais de 10 milhões de pessoas, porém, apenas um terço dos portadores tem o diagnóstico clínico, o restante não sabe que corre perigo de fratura. Segundo o National Osteoporosis Foundation (EUA), nos Estados Unidos dois milhões de homens estão com osteoporose e outros 12 milhões já apresentam risco para a doença.

Um estudo recente de revisão publicado no Obesity Reviews, demonstrou uma importante relação entre o consumo de leite e o controle da síndrome metabólica. A Síndrome Metabólica é um transtorno complexo, caracterizado por um conjunto de fatores de risco cardiovasculares, relacionados com a resistência à insulina e a obesidade abdominal. Segundo o estudo, o leite pode contribuir com efeitos benéficos na prevenção e/ou tratamento da síndrome metabólica, pois particularmente a proteína do soro do leite (Whey), parece auxiliar a ação de insulina. O estudo aponta ainda que vários nutrientes - as proteínas, os aminoácidos, os ácidos graxos de cadeia média e principalmente o cálcio - podem contribuir com efeitos benéficos pela diminuição da massa corporal e da massa gorda. 
Há algum tempo vem se discutindo a importância da ingestão de leite e seus derivados para uma dieta saudável e nutritiva. Segundo o recente estudo publicado no Journal of the American College of Nutrition, pela pesquisadora Marta Van Loan, PhD. da Universidade da Califórnia (EUA), o consumo da bebida pode ajudar também no processo de perda de peso e, com isso, prevenir problemas como a obesidade. O artigo mostra que populações de diferentes faixas etárias que consomem leite são mais magras e menos predispostas a obesidade. Além disso, programas de emagrecimento com dietas ricas em leite apresentam maiores taxas de perda de peso, quando comparadas a dietas pobres neste alimento. De acordo com o estudo, isto acontece porque o alto teor de cálcio presente no leite estimula a redução de gordura no organismo, prevenindo o aumento de peso. Já a falta de cálcio estimula as células de gordura a aumentarem seus estoques, e diminuir a utilização de gordura como fonte de energia. Outro mecanismo da ação do cálcio é baseado no fato deste nutriente ter o potencial de se ligar a molécula de gordura e, com isso, impedir sua absorção pelas células.
O diabetes é uma doença provocada pela deficiência de produção e/ou de ação do hormônio insulina, que leva a importantes complicações na saúde. A prevalência deste problema em todo o mundo está aumentando de forma exponencial, particularmente os países em desenvolvimento. O número de indivíduos com diabetes nas Américas foi estimado em 35 milhões para o ano 2000 e projetado para 64 milhões em 2025. Estudos recentes mostram que o leite pode ser um importante coadjuvante no tratamento e prevenção deste problema. Este efeito se daria a partir do alto teor de aminoácidos das proteínas do soro do leite,que afetam os processos metabólicos do organismo, favorecendo o controle da glicemia e a ação da insulina e, dessa forma, atuaria positivamente no controle das taxas de açúcar no sangue. 

[matéria retirada de: www.uol.com.br]

0 comentários:

Postar um comentário

Add This

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...